Resenha do filme Pantera Negra

Estreou nesta semana mas novo filme da Marvel Studios Pantera Negra, décimo oitavo filme do Universo Cinematográfico Marvel,  todos ansiosos para a história do Rei de Wakanda (local onde será travada a batalha do próximo Vingadores Guerra Infinita), sem demagogias, podemos dizer que Wakanda é quase um personagem a mais no filme, Com sua historia, desenvolvimento e é até possível em alguns momentos, perceber o sentimento da Nação fictícia no desenrolar da trama.

Ao longo do filme vemos o desenvolvimento do Herói principal T’Challa (Chadwick Boseman), anteriormente apresentado em Capitão America: Guerra Civil, lidando com a perda do pai e assumindo o trono. É importante ressaltar a beleza e a naturalidade dos rituais apresentados no filme sem nenhum tipo de estereótipo, mesmo a ritualística sendo algo comum na cultura Africana.

Também somos apresentados o vilão Killmonger, interpretado por Michael B. Jordan, determinado, entusiasta, revolucionário e por mais que tenha pensamentos extremistas, é impossível não sentir empatia pela forma como ele é apresentado, quanto a sua sobrevivência e criação.

Todo o elenco merece um destaque especial, nomes muito marcantes como Lupita Nyong’o, Daniel Kaluuya, Angela Bassett, Danai Gurira, e Forest Whitaker fazem do filme um show muito maior do que as cenas de lutas, muito bem coreografadas, e os efeitos especiais de ponta.

Impossível não destacar a irmã de T’Challa e princesa de Wakanda: Shuri (Letitia Wright), que projeta novas tecnologias para o país, aliás, tecnologias estas, que te fazem questionar se você está a ver um filme da Marvel, ou uma sequência de James Bond ou Matrix.

Além de tudo, podemos dizer que é um dos filmes mais necessários da Marvel. enquanto Mulher Maravilha tratou de empoderamento feminino e apresentou de forma muito clara a segregação através do sexismo, Pantera Negra mostra basicamente as condições e o sofrimento da comunidade negra no mundo, e ao mesmo tempo, o quanto um Super-Herói Negro, criado em 1966, com habilidades sobre-humanas concedidas dentro da ritualística africana, consegue ser incrível a ponto de, não apenas salvar o mundo, mas unir um povo que era dividido desde a criação da mitologia de Wakanda.

Confira o filme Pantera Negra que está em cartaz em todos os cinemas e comente quais as suas impressões a respeito do filme!